Gravidez e a Gengiva

– Quais a alterações bucais que ocorrem durante a gravidez?
Durante a gravidez ocorre um aumento muito grande nos níveis de progesterona e estrógeno (hormônios). Esses hormônios alteram a permeabilidade dos vasos sanguíneos o que provoca extravasamentos de plasma para fora dos vasos. Como conseqüência desse extravasamento ocorre formação de edema gengival (inchaço da gengiva) e uma resposta inflamatória aumentada frente à placa bacteriana. Alterações na composição da placa subgengival e diminuição da resposta imune também são alterações que ocorrem na boca da mulher quando grávida. Devido a essas alterações, a mulher grávida é mais susceptível a desenvolver inflamação gengival (gengivite gravídica).

– A inflamação gengival pode trazer riscos para o bebê?
Sim. Alguns estudos sugerem que doença periodontal (infecção) pode provocar partos prematuros e consequentemente bebês com baixo peso ao nascimento.

– Quais são os sinais e sintomas da inflamação gengival?
As características clínicas mais marcantes são edemas (inchaço), eritema (vermelhidão), hiperplasia (aumento de volume da gengiva) e sangramento.

– Qual a forma de prevenção?
As doenças gengivais podem ser prevenidas ou amenizadas com a instituição de um programa rigoroso de higiene oral, remoção de placa e cálculo dental e dos fatores que promovem sua retenção. A gestante deve consultar periodicamente o dentista para ser orientada e avaliada. A freqüência das consultas leva-se em consideração a severidade da doença, motivação da paciente, habilidade para controle de placa, atividade de cárie e fatores específicos de risco.
A manutenção da saúde bucal só terá êxito se contar com a colaboração da paciente, a qual necessita ser motivada para realizar os procedimentos (uso de fio dental, escova dental e enxaguatórios da maneira correta e controle da dieta) recomendados pelo dentista.

Fernanda Paixão Malufe é Cirurgiã-Dentista formada pela Faculdade de Odontologia de Araraquara – UNESP; Especialista em Prótese Dental; Mestre e Doutora em Clínica Odontológica área de Prótese Dental pela Faculdade de Odontologia de Piracicaba – UNICAMP; Pesquisadora Colaboradora da UNICAMP; Professora do Curso de Graduação e Pós-Graduação da UNIP/Campinas.

error: Conteúdo Protegido!